O DESENVOLVIMENTO DA INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NA PRIMEIRA INFÂNCIA

contribuições para educadores

  • Quitéria Benedita dos Santos Martins
  • Natália Nunes ScoralickLempke

Resumo

Tendo em vista a dificuldade dos profissionais da educação, e mesmo dos familiares, em lidar com alguns comportamentos agressivos e inesperados das crianças, este ensaio teórico teve como objetivo elucidar o conceito de Inteligência Emocional, sua definição e importância, a fim de compreender quais estratégias podem ser utilizadas por educadores e instituições de ensino, a fim de proporcionar uma educação emocional afetiva. Analisando o desenvolvimento emocional desde o início da vida, buscou-se elucidar propostas que ajudem os envolvidos a desenvolverem da melhor maneira as competências afetivas dos pequenos. Verificou-se que ao iniciar a abordagem emocional desde cedo, o infante terá mais chances de se tornar um adulto responsável e consciente de suas emoções, o que impõe a necessidade de se trabalhar a Inteligência Emocional tanto no seio familiar quanto no ambiente educacional. Atividades para ajudar as crianças a compreenderem e administrar suas emoções são apresentadas.
Publicado
2020-08-12
Seção
Artigos